• Por Brasileirinho

Nascimento do Conhecimentista II

Os historiadores tem dificuldade de incorporar o conhecimento como elemento desenvolvedor da História. A maioria deles ignora a história da ciência. Provavelmente por não conseguirem a entender. Contudo, a História não é feita somente de guerras e economia. Existe um espaço psicológico no seu mistério. Há uma realidade a ser conquistada.

O físico Richard Feynman ressaltava que as Equações de Maxwell responsáveis pelo desenvolvimento do eletromagnetismo foram mais importantes do que a guerra civil americana. Ambas aconteceram nos inícios de 1860. Uma nos levou ao atual mundo das telecomunicações, outra a morte de 600 mil pessoas. É tempo de refletirmos sobre o conhecimento como provedor de História.

Neste século 21 a atuação do conhecimento na História nos leva a produção de fatos, teorias e tecnologias. A mostrar que o Caminho da Mente inverte o posicionamento do homem diante da Natureza. A sua fonte tornou-se a imaginação. A explosão da imaginação humana nos abre a um novo comportamento diante do natural. A fazer a viagem pelo Oceano da virtualidade e sermos aquilo que nossa virtualidade conquistar. Essa é a nova estrada. Uma viagem do virtual para o natural. A História 21 nos envolve a questões envolvendo espaço psicológico.

O homem se tornou um corpo movido pelo Caminho da Mente. Estamos diante de uma Era do Fato e de uma dinâmica do conhecimento globalizada. A primeira nos leva a enfrentar o significado de verdade e realidade através de fatos. A segunda transformação da sociedade por meio da biotecnologia, inteligência artificial, novos materiais etc. Não escapamos dessas premissas. A existência do homem deu um passo adiante da biologia. De caçador e coletor o homem será o espírito que incorporar. A realidade que desembarcar.

O Conhecimentista desponta como o novo personagem da História. A sua práxis é a de a partir da folha em branco ser um gerador de acontecimentos. Das Grandes Navegações à Era do Conhecimento abre-se um Oceano da Virtualidade. Por ali, trafegam os navegadores do psi. Em sua viagem do virtual ao natural estão movidos pela nova instância onde o conhecimento é a nova mercadoria. A nova especiaria a ser transportada pelo rio da História.

Esse é o novo homem. Há um sopro conhecimentista nos ponteiros de relógio do século 21. Conhecimentistas a procura de fatos a construírem a civilização. Diversamente do século 15 de Colombo estão a enfrentar uma época em que novos empregos estão a depender do conhecimento sendo produzido. A partir da folha em branco desbravar por possibilidades em produção, infraestrutura, tecnologia, inovação.


Por MELK

10 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Primavera do Conhecimento

Estamos em tempos de mudança. Quando milhares de pessoas vão as ruas devido a um ensejo tomar contas de suas mentes. No entanto, o primeiro passo para mudar o sistema está em entendê-lo. Olhar para a

Quatro Formas de Conhecimento

A saga do desconhecido chama o homem. Somos cercados por um mistério. A existência de um Universo colossal e a possibilidade de um outro lado da vida após a morte nos levam a uma procura além de nossa

lncc-2.jpg

Ligue para: (24) 2231-3549 ou 2237-0625

Primeira Lei de Newton: Inércia - Brasil Escola

LEI DA INÉRCIA (Primeira Lei de Newton) - AULA 2 DINÂMICA - Prof. Marcelo Boaro

Me Salva! DIN02 - Dinâmica - Segunda Lei de Newton

2ª LEI DE NEWTON (Princípio fundamental da Dinâmica) - DINÂMICA - AULA 3 - Prof. Marcelo Boaro

Física - Leis de Newton: Conceito de força

Aula 71 Conceito de Força

Sistema Internacional de Unidades (SI) - Brasil Escola

Notação Científica, Sistema Internacional(SI) e Ordem de Grandeza - Prof. Boaro

Me Salva! DIN03 - Dinâmica - Terceira Lei de Newton - Ação e Reação

Leis de Newton: Terceira Lei de Newton -- Lei da Ação e Reação | Vídeo Aulas de Física Online